Como criar coleções que vão além da estação?

Chamar a atenção do público é, em geral, um grande desafio para varejistas e marcas ao redor do mundo. Não é de impressionar que os designers de moda têm se reinventado para transformar cada vez mais as coleções e encontrar modelos e padrões que se adequem ao momento e à realidade em que se encaixam.

Nessa longa jornada de unir a moda à sustentabilidade, um grande passo que vem sendo tomado é a estruturação de um conceito mais profundo a respeito do que ela representa. Isso quer dizer que, muito mais que estampas, modelagens ou mesmo cores, os estilistas estão posicionando suas criações como verdadeiras propostas de cultura, manifesto e discursos.

Com essa nova postura, a tendência é criar coleções que vão além da estação e da sazonalidade, de maneira que uma peça não precisa ser descartada no verão apenas por ser da linha primavera, por exemplo. Ou seja: adequar as criações para que possam ser reaproveitadas durante todo o ano e que incentivem o consumidor a investir mais nessas peças.

MAS, COMO FAZER ISSO?

Observe o comportamento do consumidor

Entenda quem é seu público e o que ele busca em sua marca. Preste atenção no que as pessoas procuram ao entrar em sua loja e em quais peças elas têm mais interesse. Aos poucos, você vai conseguir cruzar informações para elaborar uma coleção que atenda a todas essas necessidades.

 

Considere o clima e a cultura regional

De nada adianta vender casacos de pele no deserto, não é mesmo? Isso quer dizer que você deve se adaptar e adequar suas coleções ao local que sua marca atende. Dessa forma, fica mais fácil marcar presença nas compras e no guarda-roupas dos consumidores. Afinal de contas, você vai estar falando diretamente com eles.

 

Esteja em sintonia com o mercado

Fique de olho nas movimentações do mercado em geral. Através dele, dá pra observar interesses que estão em alta, assuntos que estão mais populares e até mesmo a variação de costumes e hábitos de compra.

 

Procure incluir a sustentabilidade em sua marca

A partir do momento que você inclui a sustentabilidade em seus projetos, desde o início da produção até a venda final, você começa a trabalhar de forma mais consciente – e isso acaba sendo impresso na identidade de suas futuras coleções. Além de tudo, hoje, os consumidores buscam por marcas que se preocupam com o ambiente à sua volta. Mais um ponto pra você!

 

Aposte no atemporal

Com peças atemporais, você vende para mais pessoas e por mais tempo, além de não ter prazo para se “livrar” do produto – já que ele não se prende a apenas uma sazonalidade. Além disso, evita o desperdício daquelas peças que ficaram para trás. Só ganhos e benefícios!

 

E aí, o que você acha de incluir essa ideia em suas próximas criações? Essa é mais uma bandeira para se levantar quando o assunto é moda consciente e meio ambiente. E, embora seja um caminho que ainda vai levar um tempo para tomar força, já sabemos que estamos na direção certa para transformar o mundo da moda.