DIY: dicas de bordados simples para personalização de roupas

Você com certeza já deu uma olhada no seu guarda-roupas e notou algumas peças que poderiam ter um toque a mais de charme, não é mesmo? E, graças aos vídeos de DIY e tutoriais disponíveis na internet, hoje é possível personalizar as próprias roupas com muita criatividade e estilo.

Pensando nisso, trouxemos algumas dicas de bordados simples para te ensinar mais essa habilidade na costura e te dar um pouco de inspiração para transformar aquela blusinha branca em um look exclusivo e com a sua cara.

Prepare a linha e a agulha, e vamos lá!

 

Ponto cruz

Provavelmente esse é o tipo de bordado mais conhecido e, apesar de ter uma técnica simples, traz um resultado muito bonito para cada peça. Ele é feito em gráficos específicos para ponto cruz e consiste em pequenas cruzes com os pontos bem fechados.

 

Vagonite

Com linhas retas e simétricas, o vagonite tem o acabamento mais simples e apresenta um resultado em alto relevo. A técnica consiste em não passar a agulha para o avesso do tecido e, por isso, é o melhor bordado para quem está começando a treinar.

 

Ponto russo

Aqui, a agulha entra e sai do tecido, assim como o movimento da máquina de costura. Ao contrário do vagonite, o ponto russo atravessa o tecido e tem uma agulha especial para trazer o efeito do alto relevo ao trabalho.

 

E aí, ficou animada para aprender todos os tipos de bordados e dar aquele up nas suas roupas? Essa é mais uma forma de treinar novas habilidades e, claro, usar o seu tempo da melhor forma. Depois conta pra gente como ficou o resultado, hein?